Investidor

A minha intenção aqui não é mostrar onde investir seu dinheiro, até porque acredito que existe um melhor investimento para cada pessoa dependendo da experiência de vida de cada um, e de seu plano de vida, então é uma coisa bem pessoal.

Mas pretendo mostrar porque se deve ser um investidor e como vai descobrir qual o melhor investimento para você.

Vimos no perfil endividado que há um grande desperdício de valor gerado além da falta de consciência do prejuízo que pode haver em comprar algo sem antes ter gerado o valor necessário; no perfil equilibrado busquei mostrar como já há uma boa consciência da importância de se valorizar o valor gerado buscando fazer negócios com foco em não perder. Agora no perfil investidor o foco é em ganhar, buscando proteger e multiplicar o valor já conquistado.

Enquanto aqueles com perfil equilibrado, buscam viver de forma justa provendo ganhos do seu trabalho, cuidando para não perder valor, o investidor busca em seus investimentos a fonte de renda para manter o padrão de vida por ele desejado.

Essa é a grande diferença.

Quando se é jovem, com saúde, dotado de plena capacidade de trabalhar, dá pra se viver até bem com perfil equilibrado sem problemas, mas quando já não se tem essa força de trabalho então viver assim pode ser um grande problema. Um bom investidor estará preparado para esse tipo de situação no futuro.

Quando se fala em garantir financeiramente o futuro a maioria das pessoas pensam no sistema de aposentadoria padrão que é a previdência geral o INSS.

Em uma aula que assisti sobre finanças na internet um professor disse sobre o INSS “Isso nunca será suficiente” achei bem apropriado e costumo usar essa frase ao me referir ao INSS.

Sobre não ser suficiente, já tive testemunhos reais disso.

Meu pai mora em Cuiabá, onde ele trabalha em sua bicicletaria.

Uma das vezes que fui visitar ele, estava eu lá, em um fim de tarde quando avistei de longe um senhor que vinha pedalando sua velha e bem desgastada bicicleta, ele se aproximou, pediu para que meu pai concertasse o freio. Enquanto isso, conversamos uns minutos. Ele me contou que trabalhava em uma empresa de energia e que havia se aposentado já há um bom tempo, e que quando ele se aposentou ganhava 10 salários mínimos, porém atualmente estava ganhando pouco mais de 1, portanto, ele tinha que fazer alguns trabalhos para complementar a renda. Ele faz diversos bicos; limpa quintais, trabalha com instalações elétricas entre outros serviços, mas a reclamação maior dele veio por conta da sua saúde. Com problemas na coluna, ele se queixava de fortes dores ao executar esses trabalhos. Ouvi essa triste e real história, que me fez pensar ainda mais em meu futuro, um ano depois já na minha cidade, enquanto atendia um cliente em meu escritório, um Senhor bem de idade me contou uma história quase idêntica a história que tinha ouvido em Cuiabá, ele me disse que se aposentou com vários salários mínimos e atualmente estava ganhando pouco mais de um também se vendo obrigado a voltar a trabalhar para sustentar a sua família; apesar da natural falta de força devido a idade elevada.

Eu trouxe essas histórias reais para mostrar que pensar em aposentadoria só na forma convencional pode não ser garantia de segurança futura.

Veja o gráfico a seguir:

I_IMG_1

Apenas 1% consegue viver tranquilamente com seus ganhos de aposentadoria do sistema geral de previdência o restante precisa receber complementos de alguma outra forma.

O sistema de aposentadoria geral não é uma garantia de vida tranquila na terceira idade esse é um motivo importante para se tornar um investidor o quanto antes.

Outra coisa é a expectativa de vida que vem aumentando cada vez mais de acordo com o IBGE em 1980 as pessoas viviam em media 62 anos, em 2010 73 anos, estima-se que em 2050 será de 81 anos.

Nós, estamos vivendo cada vez mais, portanto, devemos estar preparados para essa outra fase da vida, uma fase onde existe uma fragilidade na saúde, a força física já não é a mesma, o mercado de trabalho em geral cria resistência na contratação de idosos, por tudo isso é necessário nos preparar para chegar lá com segurança financeira.

I_IMG_2

Além da segurança financeira na terceira idade, existem mais alguns outros bons motivos para se tornar um investidor, como por exemplo; o benefício de uma vida muito mais confortável, também, o beneficio emocional, pois quando se tem estabilidade e prosperidade financeira sentimos o mundo de forma mais agradável para se viver… Se já passou dificuldades por falta de dinheiro, sabe bem do que estou falando. As relações interpessoais melhoram muito também, na família, no trabalho com os amigos, pois com prosperidade financeira você não se sente vivendo no fio de uma navalha o resultado é você mais feliz e de bem com a vida assim, logo irá se relacionar melhor com as pessoas que tem contato. Outro ponto é a longevidade, você melhora sua qualidade de vida em geral e vai naturalmente viver mais por isso.

E para finalizar você pode antecipar sua aposentadoria ou como prefiro chamar sustentabilidade financeira. Eu mesmo planejo conquistar a minha em 10 anos a partir de 2012 quando iniciei praticamento do zero.

O tempo para conquistar a sua independência financeira dependerá do tipo de investidor que você vai se tornar. Uma coisa é certa quanto mais você investe mais aprende e vai aperfeiçoando sua técnica, sua forma de agir como investidor.

Um investidor pensa no futuro, planeja e age no presente para ter bons resultados.

Notou que não apresentei ainda o perfil do investidor?

Ok, vou fazer isso agora:

Então!

  • Um investidor vive uma vida vibrante com fortes emoções;
  • Valoriza o seu conhecimento profissional, financeiro e de negócios;
  • Sabe o valor das coisas e usa isso para ter lucros;
  • Não faz compra e sim negócios;
  • Planeja-se para ter lucros constantes;
  • Valoriza sua sustentabilidade financeira;
  • Percebe as armadinhas e oportunidades financeiras;
  • Quando erra usa o erro para aprender e recomeça mais forte;
  • Conquista sua sustentabilidade financeira de forma paciente e disciplinado.

Esses são alguns pontos importantes do perfil investidor

Se você ainda não é um investidor espero ter pelo menos despertado uma curiosidade em você para investir.

Mas por onde começar?

Para ser um investidor antes é necessário uma preparação; é como uma corrida, se você não treinar não vai conseguir ir muito longe, vai perder o folego e pode até se dar mal com isso.

Então minha sugestão é que seu primeiro investimento seja em conhecimento na seguinte forma e sequência:

1º – Conhecimento Profissional; esse lhe dará condição de explorar ao máximo sua capacidade de gerar renda com seu trabalho, com isso terá ganhos mais elevado logo mais a frente falarei dessa vantagem;

2º – Conhecimento Financeiro; esse lhe dará condição de organizar, proteger e multiplicar seu patrimônio;

3º – Conhecimento em Negócios; esse é o ponto onde deve escolher uma ou mais área de negócios onde irá aplicar dinheiro com finalidade de obter lucro.

Essas 3 áreas de conhecimento devem ser seus primeiros investimentos, elas juntas lhe darão a formação e capacidade de se tornar um investidor de sucesso.

O primeiro investimento em conhecimento profissional vai te permitir alavancar sua capacidade de investimento por meio de acesso a créditos disponíveis no mercado além de somar com o próprio salário elevado que vai ter por consequência. Ou seja, vai ser um profissional, vai ganhar mais por isso e vai poder acessar mais créditos e fazer investimento maiores.

Esse investimento no conhecimento profissional, como investidor vai lhe ser muito útil nos primeiros anos, alavancando seus resultados potencializando seus negócios, mas com o passar do tempo a tendência é você ganhar mais com seus investimentos, até inclusive, deve ultrapassar os ganhos do seu próprio trabalho. Se pretender viver só de investimentos, sugiro focar mais ainda nos conhecimentos financeiros e na área de negócios que escolher para investir, pois quanto mais souber dessas áreas, mais terá sucesso como investidor; ou se você gosta muito da sua profissão poderá ter também a liberdade de escolher quando e onde vai trabalhar. Nesse caso, seja além de um bom profissional, um investidor de sucesso.

Em fim, antes de sair por aí fazendo investimentos, você deve saber onde e quando aplicar seu dinheiro para que ele possa trabalhar por você. Para isso deverá se informar, aprender sobre o negócio onde irá investir, se pretende investir em ações, abrir um negócio, comprar imóveis, para qualquer que seja sua opção de investimento o sucesso dependerá do quanto de conhecimento você adquiriu sobre o investimento que está fazendo.

No meu caso, por exemplo; decidi investir em imóveis, então sempre estou buscando me informar sobre o mercado de imóveis, pesquisando preços, acompanhando as valorizações, o preço dos aluguéis, os créditos disponíveis. Assim quando vejo uma oportunidade de ganho eu decido investir. Na região onde moro existe muita atividade com pecuária, sempre ouço pessoas dizerem que é um bom negócio, não arrisquei fazer negócios com pecuária ainda porque é uma área que não tenho conhecimento e não posso entrar nesse negócio só porque estão dizendo que é bom. Se algum dia eu decidir investir em pecuária antes irei estudar seu funcionamento, os riscos envolvidos, taxa de retorno só então com clareza do negócio visualizando as vantagens e desvantagens é que eu poderei tomar decisão de investimento.

Ao desejar investir, procure conhecer as opções de investimentos e escolha a área que te dá prazer, aquela que você se sentirá feliz estudando, conhecendo, conversando com pessoas que já conhecem o mercado assim você estará no caminho do sucesso, agora tentar investir em uma área só pelo dinheiro, só porque seu amigo ou conhecido está tendo bons resultados pode ser uma enorme armadinha.

Investimento bom é aquele que você conhece a ponto de saber a hora de entrar e sair com lucro. Quanto mais vai conhecendo do negócio maiores são suas chances de ter bons resultados.

Espero até agora ter transmitido a importância de se fazer investimentos, ter deixado evidente que isso é uma questão de segurança e qualidade de vida.

A seguir irei tratar de formas de investimentos e depois pretendo mostrar a mágica da multiplicação; o efeito juros compostos.

Sobre os tipos de investimentos tem os de renda fixa e os de renda variável, os de renda fixa são aqueles que você investe já sabe o quanto vai receber no prazo determinado, como por exemplo, tesouro direto, CDI, CDB e os de renda variável são todos aqueles que você não sabe exatamente quanto vai ter de lucro, podendo inclusive ter até prejuízo, alguns exemplos são Ações, Imóveis e outros.

Os investimentos de renda fixa são geralmente menos arriscados e rendem menos por isso e os de renda variável que podem render mais, por outro lado são mais arriscados.

É bom notar que a maior parte do risco dos investimentos de renda variável está no investidor, ou seja, quanto mais o investidor saber sobre o negócio que ele está investindo menos risco ele corre.

Minha estratégia é fazer investimentos mais seguros quando se está iniciando, como os de renda fixa, nesse momento não acho muito prudente ficar arriscando. Em renda variável você pode perder logo no início se não estiver preparado para esse mercado.

Os efeitos de perder quando quase não se tem nada ou quando se está iniciando como investidor podem ser muito traumatizantes por isso recomendo começar pelos investimentos mais seguros.

Enquanto faz investimentos seguros pode ir se preparando para realizar investimentos mais sofisticados que irão depois te trazer muito mais lucros, em se tratando de investimentos não se pode ganhar todas, haverá momentos que irá perder quanto estiver operando com investimentos variáveis você deve estar preparado para isso também.

O prejuízo deve ser gerenciado e não evitado de qualquer forma.

Pessoas que tem medo de perder não fazem nada, ficam paradas diante de grandes oportunidades, não tomam decisão e as grandes chances vão embora. Um investidor investe para ganhar sempre, e quando perde faz de seu prejuízo um investimento em conhecimento, aprendizado para depois ter muito mais lucro.

Então, sugiro que comece por investimentos de renda fixa, vá capitalizando enquanto isso dedique parte do seu tempo para aprender sobre um negócio que pretende investir, e também sobre como gerenciar seu dinheiro. No youtube tem muitos vídeos bons sobre finanças pessoais. Assistir esses vídeos sempre nos acrescenta algum conhecimento, aprendi muito assim em diversos vídeos. Para quem gosta e prefere uma boa leitura há bons livros tratando do assunto aprendi muito em livros sobre finanças, negócios e desenvolvimento pessoal.

Após ter feito investimentos em renda fixa por algum tempo, ter juntando um bom capital, você vai se sentir melhor por isso, é natural o bem estar causado pela segurança financeira que vem das suas reservas de investimentos. Essa sensação muito boa tende a ir aumentando à medida que seus investimentos vão crescendo, logo terá tanto prazer em investir que não vai mais conseguir parar, pelo menos é assim que eu me sinto.

Até agora, relembrando o que eu já disse, perceba que existe um caminho desde a posição endividado, saindo das dívidas, equilibrando as contas, iniciando investimentos em renda fixa, aprendendo sobre negócios para então partir para investimentos variáveis, onde se é possível extrair maiores lucros. Olhe para sua vida financeira e perceba onde está nessa trajetória, assim saberá qual próximo passo a seguir de acordo com o que deseja para sua vida.

Quando eu bem pouco sabia sobre dinheiro, pensava que teria que ganhar gordos salários para me dar bem financeiramente. Enquanto eu pensava dessa forma eu tinha sérios problemas financeiros, o que eu ganhava nunca era suficiente. Depois que conheci mais sobre o dinheiro, sobre como lidar com ele, notei que mesmo ganhando um valor não muito grande eu poderia ter sucesso financeiro fazendo investimentos e reaplicando os lucros. Em médio e longo prazo são incríveis os resultados do efeito juros compostos.

E sobre isso que irei falar agora.

Mas o que são juros compostos?

Juros compostos e juros sobre juros são a mesma coisa, em investimentos é o mesmo que você pegar o lucro e reinvestir para gerar lucros sobre lucros.

Veja esse exemplo para ilustrar essa ideia:

Imagine que eu lhe dê um grão de milho. Você o planta e terá uma espiga de milho cheia de grãos, você replanta os grãos da espiga de milho e terá um milharal, você replanta os grãos do milharal e terá, muitos milhões.

Essa é a lógica dos juros compostos sobre investimentos, você faz aplicações de valores menores como no exemplo do grão de milho, e segue reaplicando os lucros que irão gerar mais lucros e com o passar do tempo assim como no exemplo, seus investimentos se tornarão grandes, sem limites para crescer eles te proporcionará uma vida abastada do ponto de vista financeiro.

Agora ou depois você deve pensar: mas como e por quanto tempo devo investir para conseguir um bom resultado?

Isso depende do quanto do valor que você precisa para o seu plano de vida mas vou dar um exemplo mais prático para você ter noção do que pode ser feito, confira a seguir:

Imagine uma pessoa que trabalha e tem salário no valor de R$ 2.500,00, mas seus custos também são de R$ 2.500,00, ou seja, não sobra nada no fim do mês.

emr_008

Então essa pessoa, percebe que se perder o emprego terá problemas, afinal ela não tem outra forma de rendimentos, assim ela procura aprender sobre finanças pessoais, investimentos, e decide iniciar investimentos.

Após estudar investimentos, essa pessoa descobre um negócio que rende 1% ao mês e resolve investir R$ 500,00 mensais, ou seja 20% do seu ganho irá para o investimentos e 80% para despesas comuns.

emr_009

Um mês depois, veja como ficou sua situação financeira:

emr_010

Agora na coluna de rendimentos a pessoa tem R$ 2.500,00 vindo direto do seu trabalho, enquanto R$ 5,00 vem do seu investimento, ou seja, seu salário aquele mês mais o lucro do investimento agora são juntos R$ 2.505,00, esse R$ 5,00 reais ele decide reinvestir e aplicar mais R$ 500,00.

Vejamos a seguir como fica no segundo mês:

emr_011

Agora ele já tem um lucro de investimento no valor de R$ 10,05, esse R$ 0,05, centavos já é lucro do lucro, ou seja o juros sobre juros. Agora no início ele é pequeno e parece até insignificante, mas ao fim vou mostrar como ele vai se tornar enorme. Mas uma vez a pessoa aplica R$ 500,00 e reaplica o lucro do investimento no valor de R$ 10,05, agora seu salário mensal já é de R$ 2.510,05 e essa pessoa nem teve que pedir aumento salarial ao seu chefe, ao invés de esperar que alguém resolvesse lhe conceder um aumento, ela agiu por conta própria e melhor; descobriu que pode receber aumento todo mês.

Mas o que será que aconteceu com essa pessoa em 5 anos?

É lógico que, em 5 anos o preço das coisas vão aumentar, isso ocorre por conta da inflação, o dinheiro perde poder de compra com isso. Mas simplificar vamos desconsiderar a inflação apresentado aqui somente o valor presente do dinheiro.

Assim sendo teremos o seguinte:

emr_012

Os rendimentos do trabalho mais investimentos agora somam R$ 2.899,44 sendo que R$ 399,44 são só dos investimentos.

Vamos ver agora como fica a continuação desse negócio em 10 anos:

emr_013

Agora teremos um total de R$ 3.634,02 sendo R$ 1.134,02 de investimentos e os R$ 2.500,00 do trabalho, perceba como em mais 5 anos subiu os lucros de investimentos, isso ocorreu por conta do efeito juros compostos, vejamos a seguir como fica essa conta acrescentando mais 17 anos:

emr_014

Bom, agora as coisas mudam muito, perceba que nesse ponto o investidor já tem um lucro em seu investimento no valor de R$ 3.000,00 mensais, então ele aqui resolve mudar de trabalho, fazendo só o que deseja e quando deseja, por trabalhar menos seus ganhos com trabalho foram reduzidos, mas ele pode ter essa liberdade, porque ele conta com a segurança financeira dos seus investimentos. Essa pessoa agora poderia muito bem desfrutar do lucro dos seus investimentos e viver a vida com mais tranquila, desfrutando da liberdade e segurança do seu investimento. Mas coloquei na figura acima como se ela ainda continuasse investindo, isso é opcional, cada um sabe que tipo de vida deseja para si.

Vou lhe mostrar a seguir um gráfico que traz toda essa trajetória que acabei de apresentar simulando um investimento.

emr_015

Perceba a evolução do rendimento do investimento em verde, como ele inicia pequeno. Veja seu tamanho em 5 anos, agora como ele quase triplica em mais 5 anos, agora em mais 5 ele já é mais de 7 vezes maior que o rendimento dos primeiros 5 anos.

Esse aumento exponencial ocorre por que o lucro vem da quantidade de dinheiro investido, ou seja, quanto mais dinheiro, mais rende, gerando mais dinheiro e renda ainda maior… e assim segue…

Esse é o efeito dos juros compostos, é isso que faz as pessoas ganharem milhões, bilhões.

wa

Albert Einstein

Albert Einstein disse que os juros compostos “é a maior força do universo”.

A ideia é começar, mesmo que seja pequeno, mas deve começar, essa ”força” dos juros compostos cuida para que o negócio cresça e se torne grandiosa no futuro… já vimos no exemplo dado anterior.

Comece! mesmo que seja com R$ 5,00 juntando em um cofrinho, depois mude para um poupança, junte mais, e vai sofisticando a aplicação do seu capital, não tem desculpa para não começar.

Uma vez vi alguém compartilhar uma ideia, que me despertou atenção, se eu não estiver enganado foi do site geração de valor (recomendo acessar), é a seguinte:

emr_020

O preço, é fazer o que tem que ser feito.

Espero até agora ter contribuído para que você tenha tido novas ideias sobre como se organizar para ter a vida que deseja.

Lembre-se sempre:

Todos querem vencer na vida;

Desses só alguns estão dispostos a pagar o preço;

Mas quem realmente paga são geralmente 1 em 100.

É agora que você escolhe em qual grupo vai figurar no livro da história da sua vida.

O que eu tinha para mostrar sobre investimento, por hora é isso, busquei apresentar as possibilidades de ganhos com investimentos, considerando o efeito dos juros compostos a longo prazo, além é claro de apresentar os investimentos como uma solução de modo a garantir o conforto e qualidade das nossas vidas no futuro.

Confira a seguir o fechamento apenas alguns comentários sobre a situação Sustentável financeiramente.

Continue acessando o conteúdo passo a passo clicando nos links conforme a sequência do menu passo a passo.